A condenação pela Justiça americana provocou a queda de mais de 9% das ações da multinacional agroquímica Bayer, proprietária da Monsanto, na bolsa de valores de Frankfurt, na manhã de hoje as ações da Bayer perdiam 9,53%, a 86,46 euros, segundo a France Presse

Os famosos pesticidas “Roundup” e “RangerPro”, que contém Glifosato tido como perigoso agente causador de câncer em seres humanos, foi o motivo que fez com que a Monsanto fosse condenada pela Justiça americana a pagar US$ 289 milhões (R$ 1,1 bilhão) a um homem com câncer. O jardineiro Dewayne Johnson afirma que sua doença foi causada por herbicidas da empresa.

O documentário “O mundo segundo a Monsanto” – disponível aqui – narra em detalhes os perigos do Glifosato para a saúde humana e mostra diversos casos de doenças relacionados ao seu uso em todo o mundo.

Em um processo histórico, um tribunal do júri na Califórnia considerou que a Monsanto sabia que seus herbicidas “Roundup” e “RangerPro”, que contém glifosato, eram perigosos e falhou em alertar os consumidores.

Por sua vez a Monsanto nega que a substância esteja ligada à doença e afirma que vai recorrer da decisão. A Bayer AG, empresa farmacêutica, que comprou a americana Monsanto por US$ 63 bilhões, também nega que a substância seja cancerígena

 

Da Redação com G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor digite o seu nome