O corpo do peregrino brasileiro Fernando Luiz Righi de Oliveira, de 68 anos, foi cremado na cidade de Pamplona e as cinzas levadas para Porto Alegre-RS onde morava, conforme informou o filho dele Fernando Luiz Righi de Oliveira Júnior, de 43 anos.

O aposentado gaúcho fazia pela terceira vez o percurso no místico Caminho de Santiago, rota com cerca de 900 quilômetros que atrai milhares de peregrinos de todo o mundo.

As autoridades da polícia espanhola acharam o corpo de Fernando nesta segunda-feira, ele estava desaparecido desde sábado, 5.

Logo que receberam a notícia, familiares de Fernando viajaram para a Espanha, conforme informação da Associação dos Amigos do Caminho de Santiago de Compostela do Estado do Rio Grande do Sul (ACAARGS), da qual ele fazia parte.

Segundo o jornal O GLOBO, o Itamaraty informou que o Consulado do Brasil em Barcelona acompanha o caso e está em contato com as autoridades locais e com os familiares do cidadão no Brasil para prestar a assistência consular cabível.

A família disse que Fernando gozava de boa saúde e não apresentava nenhum sintoma de enfermidade, a forte onda de calor que assola parte da Europa, notadamente Portugal e Espanha, pode ter sido a causa do mal súbito que vitimou o peregrino brasileiro.

 

Da Redação com O Globo

Fotos: Reprodução/Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor digite o seu nome