A presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Rosa Weber, vai decidir ainda nesta quinta-feira (16) se o registro e as impugnações da candidatura do PT ficarão com o mesmo relator. O partido registrou ontem (15) a candidatura do ex-presidente Lula, tendo o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad como vice. Os questionamentos giram justamente em torno de Lula, que está preso em Curitiba por corrupção, no caso do tríplex do Guarujá.

Foram identificadas seis impugnações (questionamentos) da candidatura, sendo uma delas protocolada pela procuradora-geral da República, Raquel Dodge. O ministro Luís Roberto Barroso está responsável pelo julgamento do registro, mas ele também é relator de duas impugnações. Outras quatro estão com o ministro Admar Gonzaga.

Atualmente existe o entendimento de que a condenação de Lula enquadra ele na Lei da Ficha Limpa e portanto estaria inelegível.

 

Da Redação

Foto: Roberto Jayme/Ascom/TSE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor digite o seu nome