A atriz Regina Duarte é conhecida por não hesitar em posicionar-se politicamente. Assim tem feito há vários anos, sempre tecendo críticas à esquerda. Esse talvez tenha sido um dos motivos pelo qual a atriz estrela de cerca de 40 novelas tenha sido colocada “na prateleira” pela Rede Globo. “A fala de convites me gerou muita frustração”, disse a global em entrevista realizada em novembro de 2017.

No texto (veja completo abaixo), Duarte critica o “preconceito indisfarçável” da esquerda, apontando conquistas de “minorias” que deveriam ser celebradas por grupos defensores de negros e mulheres, mas que não são por não serem conquistas de representantes da esquerda, mas apoiadores de Jair Bolsonaro (PSL).

A opinião foi publicada no Instagram e até a hora de publicação desta matéria já tinha 101 mil visualizações e quase 10 mil comentários. Leia o texto na íntegra.

Bolsonaro e a esquizofrenia da Esquerda

Hélio Negão, um negro, foi o deputado federal mais votado do RJ. Deveria estar havendo comemorações por aqueles que enxergam separação de raças em tudo. Afinal, um negro desbancou todo mundo. Pautas jornalísticas deveriam estar sendo feitas, apontando o feito como uma conquista, um exemplo de inclusão. Isto tudo só não está ocorrendo porque Helio Negão é do partido do Bolsonaro.

Janaína Pascoal, uma mulher, teve recorde de votos na história do país para o cargo de deputada estadual. Os grupos de feministas deveriam estar em polvorosa com o fato. Não estão. Afinal, Janaína Pascoal é do partido de Bolsonaro.

Joice Hasselman foi a mulher mais votada na história do Brasil para o cargo de deputada federal. Nenhum grupo ou revista feminista a procurará para uma entrevista. Joice não é do PSOL, nem do PT. É do partido do Bolsonaro.

Michele, esposa de Bolsonaro, se interessa por Libras (a linguagem dos surdos). Na igreja que frequenta, participou, há alguns anos, voluntariamente, da preparação de surdos que hoje tocam instrumentos musicais. Se fosse esposa de algum esquerdista famoso, estamparia capas de revistas e estaria depondo sobre isso na Fátima Bernardes . Como é esposa de Bolsonaro, nunca vai rolar.

Bolsonaro e sua campanha refletem os genuínos sentimentos do povo contra esta esquizofrenia , este preconceito indisfarçável da Esquerda.

Estamos evoluindo

 

Foto: Reprodução

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor digite o seu nome