O senador Weverton Rocha, PDT-MA, falou a O Antagonista que não deixará a reforma da previdência ser facilmente aprovada pelo Governo Bolsonaro, como se referiu: “essa reforma do seu Paulo Guedes”. “Eu mesmo vou apresentar um monte de emendas. Se é para fazer uma reforma, que seja uma reforma justa e geral: para todo mundo, para os pequenos e para os grandes. Por enquanto, essa reforma do seu Paulo Guedes não passa. Não tem nem perigo [de passar], meu amigo.”

Ao ser questionado a posição do PDT quanto à reforma em si, o senador respondeu: “O PDT quer que a reforma comece pelos grandes, e não pelos pequenos. No início do ano, a equipe econômica previa aprovação da proposta — na Câmara e no Senado — em até seis meses. Agora, já se fala que “o fundamental é aprovar neste ano”. “Se não conseguirem passar em seis meses, adeus governo”.

Fonte: O Antagonista

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor digite o seu nome