A presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministra Rosa Weber, apontou como fake news as denúncias que circularam nas redes sociais relativas a supostas fraudes nas urnas, informando que as eleições foram “limpas”, “serenas” e “transparentes”. Ela destacou, após o primeiro turno ter encerrado, que o processo eleitoral foi “célere” e “ágil” para a população brasileira.

“As nossas eleições de 2018, quanto a essa primeira etapa, decorreram em todo o Brasil com a normalidade esperada, tendo a Justiça Eleitoral cumprido o seu papel, realizado o trabalho para o qual se preparou ao longo de todo esse ano, com o zelo de seus servidores, de entregar ao povo brasileiro um resultado célere, ágil e dentro da mais absoluta normalidade”, disse Rosa.

Já o ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, também se manifestou. Ele ressaltou que um efetivo de cerca de 330 mil pessoas atuou para garantir a segurança das eleições. Segundo o ministro, não houve “nenhum conflito grave no território nacional”.

Sobre a divulgação de conteúdo falso nas redes sociais no dia da eleição, Jungmann declarou que os suspeitos estão sendo investigados, “serão denunciados e serão punidos”, mas que não há indícios de que tenha havido fraude.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor digite o seu nome